Notícias Sustentabilidade

Ford vence prêmio Fiesp de Mérito Ambiental com zero resíduo destinado a aterro nas fábricas

Ford inclui várias ações de melhoria no chamado tripé sustentável: ambiental, social e econômico.

A Ford venceu o 24° Prêmio Fiesp de Mérito Ambiental com o projeto que permitiu à empresa zerar o envio de resíduos para aterros em todas as suas fábricas no Brasil. Com essa meta, atingida em janeiro de 2017, a Ford evitou a destinação de aproximadamente 4 milhões de kg de resíduos para aterro por ano.

 

Redução de resíduos gerados, reúso e reciclagem de produtos e o incentivo à educação ambiental e ideias inovadoras.

 

O Prêmio Fiesp de Mérito Ambiental é um dos principais reconhecimentos da indústria na área da sustentabilidade e nesta edição, entregue durante um evento em São Paulo, contou com o recorde de 65 projetos inscritos.

O projeto premiado da Ford, “Manual para a indústria alcançar o resíduo zero para aterro”, incluiu várias ações de melhoria no chamado tripé sustentável: ambiental, social e econômico. Além da redução de resíduos gerados, teve como foco o aumento da quantidade de reúso e reciclagem de produtos e o incentivo à educação ambiental e ideias inovadoras.

 

“Zerar a geração de resíduos para aterro é uma conquista que reflete um intenso trabalho desenvolvido em todas as fábricas da Ford”, destaca Edmir Mesz, supervisor de Qualidade Ambiental da Ford América do Sul

 

“Zerar a geração de resíduos para aterro é uma conquista que reflete um intenso trabalho desenvolvido em todas as fábricas da Ford, com a participação de todas as áreas da empresa, e o seu compromisso de reduzir a pegada ambiental com práticas sustentáveis. Este prêmio é um reconhecimento merecido a todos os envolvidos nesse projeto”, diz Edmir Mesz, supervisor de Qualidade Ambiental da Ford América do Sul.

 

 

MASSAGEM ASIÁTICA

Tradutor Juramentado

Assessoria Contábil

KARATÊ

Arena Radical

MASSAGEM ASIÁTICA

Tradutor Juramentado

Assessoria Contábil

KARATÊ

Arena Radical

%d blogueiros gostam disto: