CAPA Notícias Saúde & Bem Estar

Hospital Nipo-Brasileiro une saúde e solidariedade às comunidades vulneráveis da Zona Norte

É a importante unir saúde e solidariedade aos vulneráveis no entorno do hospital", Sergio Kiyoshi Okamoto Superintendente do HNB. Foto: Luci Judice Yizima

 

Numa iniciativa conjunta com a Beneficência Nipo-Brasileira de São Paulo – Enkyo, sua entidade mantenedora, o Hospital Nipo-Brasileiro realizou nos dias 23 e 24 de julho, a Campanha de Doação de Cestas Básicas e Kits de Higiene Pessoal para famílias em situação de vulnerabilidade social em diversas comunidades da Zona Norte. Na ocasião, a ação coordenada envolvendo colaboradores, corpo clínico e prestadores de serviço do próprio hospital, foram distribuídas mais de mil e duzentas cestas básicas e kits de higiene pessoal, folhetos educativos de orientação sobre cuidados contra a Covid-19 e um livro de receitas elaborado especialmente pela Unidade de Apoio Nutricional (UAN) do Hospital Nipo-Brasileiro, com foco nos itens da cesta básica e no reaproveitamento dos alimentos. 

 

Erika dos Santos Viana e sua filha foram contempladas com a cesta básica e kit Higiene.
Foto: Luci Judice Yizima

 

Em entrevista o Superintendente Geral do HNB, Sergio Kiyoshi Okamoto destaca a importância de unir saúde e solidariedade aos vulneráveis no entorno do hospital. “A ação coordenada envolvendo colaboradores, corpo clínico e prestadores de serviço do próprio hospital, foram distribuídas mais de mil e duzentas cestas básicas e kits de higiene pessoal. Mil famílias cadastradas, sendo quatrocentas da comunidade Baracela”, afirma. 

“Importante salientar que já fazemos um trabalho de campo com encaminhamento, saúde e odontologia preventiva com as cinco comunidades”, diz. “A exemplo dos anos anteriores, a Campanha de Doação de Cestas básicas e kits de higiene pessoal de 2021 promovida conjuntamente pela Beneficência Nipo-Brasileira de São Paulo – Enkyo e pelo Hospital Nipo-Brasileiro, comtempla cerca de mil famílias vulneráveis moradoras das comunidades Chácara Bela Vista, Baracela, Funerária, Jardim Andaraí e Manguari, localizadas no entorno do hospital”, conclui Okamoto.

Para Erika do Santos, 26 anos com 3 filhos para sustentar e está desempregada afirma que, “essa ajuda veio em boa hora, muito importante para meus filhos que já não tinham o que comer”.

Outra assistida foi a dona de casa Maria Likinha, de 80 anos de idade comenta que, “essa ajuda é tudo de bom! Deus ajuda esses japoneses que estão nos ajudando. Muita gratidão!”.

Maria Aparecida Souza, de 61 anos idade, finaliza muito feliz dizendo que passa muitas necessidades, e que pelos menos com essa ajuda estará abastecida por um mês.

 

Mirian Kiyomi S. Igai, Adriano Bertone, Joselene R. Silva(Lideres Comunitários), Dr. Sergio Okamoto, Dra. Silmara Nogueira.
Foto: Luci Judice Yizima

 

A assistente social Miriam Kiyomi Sato Igai da Unidade Comunitária do hospital declara que, “a valorosa ajuda para as comunidades do entorno é a soma dos esforços dos 1.700 colaboradores e parceiros que contribuíram com esta ação”. Segundo a assistente social, as 10 mil pessoas das cinco comunidades são cadastradas na Unidade de Saúde Comunitária do hospital são beneficiadas com orientações de saúde, odontologia, livros de receitas especiais de como aproveitar melhor os alimentos com muito mais sabor todos os dias, panfletos com orientações e ações contra o covid-19.

A Campanha foi iniciada simbolicamente na sexta-feira, (23), com a entrega de cestas básicas diretamente para famílias da comunidade de Baracela e retomada posteriormente, no sábado, (24), para os moradores das demais comunidades. Com um total de 12 itens de alimentos básicos e 9 de higiene pessoal, as respectivas cestas foram distribuídas às famílias carentes no Parque Novo Mundo, na capital paulista.

 

 

Exposição: A ARTE DE YOSHINO MABE

Assessoria Contábil

KARATÊ

Exposição: A ARTE DE YOSHINO MABE

Assessoria Contábil

KARATÊ