Colunas Krônicas

KRÔNICAS: Há males que vem pra bem… ou não?!

(Foto: Shutterstock)

Pois é. Admitamos. Que o “Mardito Vírus” fez com que o mundo todo se voltasse um pouco… ou muito, a si mesmo, fez! Né, não?! As redes sociais que o digam! As primeiras manifestações, como não poderia deixar de ser, foram referentes a bens materiais, visando poderosos e milionários, segundo elas, os “ex-tudo!”, agora, nivelados com os simples mortais.

Em seguida, passaram a olhar para si mesmos. Às posturas inadequadas no passado, ao papai e mamãe, etc. Na sequência, aos atos de solidariedades isolados, a caminhoneiros, às comunidades carentes, às confecções de máscaras, etc… até se generalizar. Voluntários começaram a recuperar respiradores quebrados ou em desusos, pesquisadores criaram outros. Grandes empresas também participaram com doações de várias formas.

Uma imensa corrente de integração nacional se formou contra o inimigo comum. No caso brasileiro, o sucesso do isolamento social até deverá ocorrer por sua “criatividade e bom humor mesmo nas desgraças”. Por isso, “na brincadeira”, até os do grupo de risco, vão se convencendo de que o correto mesmo é o “Fique em casa”!

Também em mim baixou esse espírito de integração nacional. Ciente de que, todos, terão de se reinventar para ocuparem o dia-a-dia de confinamento, resolvi dar uma mãozinha para, ao menos, minimizar a tensão consequente disso com algo que faço desde a adolescência e que até gerou o livro Corinthians, 100 Anos – Gols Ilustrados… mas nesse caso, não com os do Timão!

Ou seja, eu corintiano, abri exceção para desenhar e socializar gols dos maiores rivais nacionais, da série A do Brasileirão. Está dando certo porque está havendo correspondência.

Mas por que o trouxe aqui?

Porque nesse período de sacrifício nacional devido ao letal inimigo comum, uma parcela de cidadãos brasileiros ainda não percebeu isso. Aquela que não quer abrir mão de seus privilégios… cá pra nós, obtidos ao longo dos anos de forma imoral, com a desculpa, agora, de direitos adquiridos.

Pois é… como há males que vem mesmo para bem, tomara que esse Covid-19 os atinja apenas… pela consciência (?)

Silvio Sano

- Formado em arquitetura pela Univ. Mackenzie (1974), auge: ampliação do estádio Santa Cruz (Recife, 1981); conhece o Japão por quatro óticas (bolsista 1975, lua-de-mel 1980, Univ.Nagoya 1985/887 e decasségui 1989/1992); colunista e chargista desde 1996; escritor, com sete livros publicados (Kontos, Krônicas & Kanções foi o último); compõe versões em português de músicas japonesas (Youtube), mas também de outras línguas (Hallelujah=>HalleLULA, do inglês); cantor nas categorias Pop e Internacional e, palestrante (tema atual = conflitos nikkeis mesmo 110 anos depois);

- Vice-presidente do Conselho Deliberativo da ACA Mie Kenjin do Brasil, Assessor de Comunicação e Imprensa da UPK (União Paulista de Karaokê) e um dos adminiostradores dos sites Nikkeyweb e UPK. 

www.facebook.com/silvio.sano.7
twitter.com/silvio_sano
silvio.sano@yahoo.com

Deixe seu comentário

Clique aqui para publicar um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

OPORTUNIDADE PARA 2020

PROCURANDO EMPREGO?

Tradutor Juramentado

Assessoria Contábil

KARATÊ

OPORTUNIDADE PARA 2020

PROCURANDO EMPREGO?

Tradutor Juramentado

Assessoria Contábil

KARATÊ