Notícias

Associação Cultural Nipo Brasileira de Taubaté completa 70 Anos

Os Homenageados são: Coronel Armando Yoshikazu Kihara, Fumio Oda, Toshihisa Wada representado pela esposa Fumiko Wada, Toro Gimbo, Kiyotaka Tajiri e Hideko Camargo Nogueira. Foto: Luci Judice Yizima

Os nikkeis do município de Taubaté comemoraram 70 Anos de atividades da Associação Cultural Nipo Brasileira de Taubaté em grande estilo e foram homenageados seis associados: Coronel Armando Yoshikazu Kihara, Fumio Oda, Toshihisa Wada representado pela esposa Fumiko Wada, Toro Gimbo, Kiyotaka Tajiri e Hideko Camargo Nogueira por suas colaborações à comunidade. Além das homenagens, o evento contou com as apresentações de taikô, dança típica japonesa e homenagens aos idosos.

 

Cerimônia Budista fez parte da abertura da festa dos 70 Anos de Aniversário ACNBT. Foto: Luci Judice Yizima

 

O presidente da entidade, Oscar Tetsuo Urushibata destaca a importância da Associação Cultural Nipo Brasileira de Taubaté no pós-guerra. “Com o término da Segunda Guerra Mundial em 1945, sabendo da destruição e da miséria que assolavam o Japão, os colonos uniram-se para ajudar seus familiares que lá residiam e o país natal a reerguer-se, enviando tudo o que podiam. Assim, em setembro de 1947 surgiu a Sociedade de Amigos de Taubaté com 30 sócios, uma iniciativa dos mais velhos que tinha como objetivo maior prestar ajuda e apoio ao Japão que tantas dificuldades passavam”, comenta. Segundo Oscar, o ano de 1947 quando foi fundada a Associação Cultural Nipo Brasileira de Taubaté, além de caráter filantrópico, passou a cultivar o ideal de manter vivos os aspectos socioculturais da sociedade japonesa em terras brasileiras, passando as tradições, a cultura e língua para as futuras gerações nipo-brasileiras.

 

Coronel Armando Yoshikazu Kihara recebe homenagem do presidente Oscar Tetsuo Urushibata. Foto: Luci Judice Yizima

 

Os imigrantes que se estabeleceram em Taubaté tinham grande dificuldade para aprender a língua portuguesa e integrar-se a nova cultura, tão diferente da terra natal. Portanto existia muita dificuldade de comunicação e entrosamento com a comunidade local. Este fato levou os japoneses a uma união muito grande os quais mantinham as festividades tradicionais do Japão, promoviam atividades típicas japonesas e procuravam manter e passar aos filhos aquilo que haviam trazido do oriente: sua cultura, tradições e costumes”, sintetiza Oscar.

 

Associados comemoram os 70 Anos da ACNBT com muito entusiasmo. Foto: Luci Judice Yizima

 

Para o Coronel Armando Yoshikazu Kihara,ex-presidente da associação declara que, “a sobrevivência e a manutenção da entidade sempre foram difíceis, principalmente no início quando todos os imigrantes e descendentes passavam por dificuldades de toda ordem. Para realização das atividades, os recursos eram provenientes de contribuições, da colaboração dos comerciantes e da arrecadação realizando atividades culinárias”.

 

Inauguração do Espaço Cultura e Educacional Toshihisa Wada . Foto: Luci Judice Yizima

 

Um marco importante para Associação foi à doação, em 1978, do terreno de 6.050 m², pelo Sr. Fumio Oda, onde hoje se encontra instalado a Associação. Em março de 1997 foram reiniciadas as obras de reconstrução e melhoria da sede de campo, que atualmente conta com este belíssimo ginásio. Graças ao esforço de todos e em especial do presidente na ocasião, Kiyotaka Tajiri e Toro Gimbo e teve uma colaboração financeira extraordinária do Toshihisa Wada, o ginásio foi inaugurado durante as comemorações do Cinquentenário da Associação, realizada no dia 19 de outubro de 1997, e recebeu a denominação de Ginásio Fumio Oda, em homenagem ao ilustre benfeitor”, contabiliza Coronel Kihara.

 

“O patrimônio da Associação representa mais do que bens materiais, ele é o fruto do trabalho e do empenho de gerações”, diz Fumiko Wada. Foto: Luci Judice Yizima

 

Na ocasião foi inaugurado o Centro Cultural e Educacional Toshihisa Wada com a participação da Fumiko Wada. “O patrimônio da Associação representa mais do que bens materiais, ele é o fruto do trabalho e do empenho de gerações que foi salpicado pelo suor daqueles que ergueram paredes, drenaram o chão e ajudaram a construir um monumento à dedicação e ao espírito de colaboração de todos”, conclui Fumiko Wada.

 

previous arrow
next arrow
previous arrownext arrow
Slider
Fotos: Luci Judice Yizima

 

Luci Júdice Yizima

Jornalista e Fotógrafa
lucijornalismo@hotmail.com
(11) 99738-7200

Deixe seu comentário

Clique aqui para publicar um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

MASSAGEM ASIÁTICA

Tradutor Juramentado

Assessoria Contábil

KARATÊ

Arena Radical

MASSAGEM ASIÁTICA

Tradutor Juramentado

Assessoria Contábil

KARATÊ

Arena Radical

%d blogueiros gostam disto: