Colunas Krônicas

KRÔNICAS: À TV Utiná, um voto de confiança!

Olha aí, nova tentativa para se trazer mais informações sobre a cultura japonesa e nipo-brasileira via mídia televisiva. Aliás, não foram muitas, mas as pioneiras como Imagens do Japão e Japan Pop Show até que se saíram muito bem a ponto de irem ao ar em horários nobres. Quem não se recorda?

E foram duradouras. Tinham muitas variedades, inclusive seção de calouros… com jurados! Por preencherem grande lacuna na comunidade nipo-brasileira tiveram bons patrocinadores de modo a proporcionarem ótimos prêmios, inclusive com passagens e estadas ao Japão.

O declínio se deveu não apenas às concorrências com programas afins, mas também à desagregação da comunidade somada a uma “onda invisível” de repúdio de nipo-brasileiros às próprias raízes.

Não cheguei a ser assíduo espectador desses programas, mas assisti a vários e até esbocei tiras satirizando as notas desconcertantes, já naquela época, dos jurados… rs. Mas isso é outra história. De qualquer forma, também fui levado pela “onda invisível” e só retomei vínculo com a comunidade a partir de 1996, por minha coluna no São Paulo Shimbun.

Apesar do sucesso de público nos Festivais do Japão, Bon Odoris e Omatsuris, aqui e acolá, a comunidade não é, verdadeiramente, unida. Falta o tchan agregador, aquele que é corporativista sim, mas sem ser fechado. Abertura à sociedade brasileira até existe, por esses próprios grandes eventos, porque a maioria do público já é de… não descendentes!

O corporativismo está em se unirem para o bem comum, para mostrar à sociedade brasileira o quão poderoso aliado a comunidade pode ser à Nação!

Para isso, um programa de TV pode contribuir. Né, não?! A TV Utiná (canal aberto 55.1), como é chamado, já em sua 10ª edição, vai ao ar aos domingos a partir das 21h30. Que tal dar-lhe seu voto de confiança? Que tal pessoalmente? Mieko-san, Luci, Mamoru, Cláudia e Gilberto o aguardam já neste 22º Festival do Japão, no estande da TV.

Também estarei lá… e no da ANBLA (Associação Nipo-Brasileira de Letras e Artes). Que tal falarmos sobre Konfrontos & Konflitos Nikkeis… com TV?!

Silvio Sano

- Formado em arquitetura pela Univ. Mackenzie (1974), auge: ampliação do estádio Santa Cruz (Recife, 1981); conhece o Japão por quatro óticas (bolsista 1975, lua-de-mel 1980, Univ.Nagoya 1985/887 e decasségui 1989/1992); colunista e chargista desde 1996; escritor, com sete livros publicados (Kontos, Krônicas & Kanções foi o último); compõe versões em português de músicas japonesas (Youtube), mas também de outras línguas (Hallelujah=>HalleLULA, do inglês); cantor nas categorias Pop e Internacional e, palestrante (tema atual = conflitos nikkeis mesmo 110 anos depois);

- Vice-presidente do Conselho Deliberativo da ACA Mie Kenjin do Brasil, Assessor de Comunicação e Imprensa da UPK (União Paulista de Karaokê) e um dos adminiostradores dos sites Nikkeyweb e UPK. 

www.facebook.com/silvio.sano.7
twitter.com/silvio_sano
silvio.sano@yahoo.com

Deixe seu comentário

Clique aqui para publicar um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

MASSAGEM ASIÁTICA

Tradutor Juramentado

Assessoria Contábil

KARATÊ

Haru Matsuri

Arena Radical

MASSAGEM ASIÁTICA

Tradutor Juramentado

Assessoria Contábil

KARATÊ

Haru Matsuri

Arena Radical

%d blogueiros gostam disto: