Colunas Krônicas

KRÔNICAS: Antes a creolina, e agora… também o alho contra o Covid-19!!

Ilustração: Alex Endo

“Ói yeu traveiz…!”

Outra vez, porque em minhas 9ª e 10ª Krônicas deste ano (de 11 e 18 de março), tão logo se iniciou esta mardita pandemia, escrevi sobre a creolina, enfatizando minha estranheza pela não atenção a ela por parte dos pesquisadores do mundo, mas deixando claro minha condição de leigo no assunto.
Minha opinião se baseava apenas em experiência de vida, que não é curta… rs, deixando claro que não sou dessas pessoas que ficam alastrando produtos milagrosos para curas de doenças graves.
Até lembrei que razão para isso até tinha, de um primo que não conseguia andar ereto e nem parentes ortopedistas conseguiam curá-lo… tampouco “milagreiros”, após tomar um certo produto líquido e caro, hoje anda ereto!
E daí? Deixei essa pergunta no ar com a lembrança de que, dizem, não usamos quase nada de nossa controvertida inteligência emocional que afeta até no fisiológico. Ou seja, que ao meu primo pode ter ocorrido “aquele efeito” que o curou.
A creolina, desde criança ouço falar, usar (antigo Creosoto), e ainda faz parte da minha “saudável” história de vida… rs. Mesmo assim, quem sou eu para garantir?! Né, não?!
Mas com o isolamento social ficamos curiosos com tudo que diz respeito à cura do “mardito”, até mesmo de cloroquina, ivermectina, limão, cebola, etc. e… ALHO! Pois é, acabei de ver matéria a respeito.
Ah… sim, também de um não especialista!… que também acha que a razão de não ouvirmos falar dele nesse sentido é devido a seu preço irrisório!, não interessante às poderosas indústrias farmacêuticas. Mas isto é outra história.
A verdade é que, assim como a ele, ou a quem me contou sobre a creolina… bem como a mim, não nos importa se aceitarão o que afirmamos, mas apenas externarmos nossas opiniões a respeito desses produtos… naturais.
O do alho afirmou que, afora outras qualidades, a imunidade vai “lá pra cima!”. Não sabia disso quando aumentei escandalosamente o alho… e o seirogan, em nossa dieta há mais de dez anos. Seria por isso que, minha esposa e eu, nem resfriados pegamos já há muitos anos? Eu, praticamente, em todo esse período.

 

 

 

Silvio Sano

- Formado em arquitetura pela Univ. Mackenzie (1974); conhece o Japão por quatro óticas diferentes (bolsista 1975, lua-de-mel 1980, Univ.Nagoya 1985/887 e decasségui 1989/1992); escritor (sete livros, sendo Kontos, Krônicas & Kanções, o último); colunista e chargista desde 1996; jornalista (2012);
- Compõe versões em português de músicas estrangeiras, em especial da japonesa;
- um dos administradores dos sites UPK, Nikkeyweb e, agora, Portal Oriente-se.
- Palestrante (tema atual = Konflitos Nikkeis, mesmo mais de um século depois);
- Tem páginas no Facebook, Twitter e Instagram e canal no Youtube
- email: silvio.sano@yahoo.com

Deixe seu comentário

Clique aqui para publicar um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Procurando Emprego??

Tradutor Juramentado

Assessoria Contábil

KARATÊ

Procurando Emprego??

Tradutor Juramentado

Assessoria Contábil

KARATÊ