Cultura

Liberdade, um presente dos orientais à cidade de São Paulo

Há quem diga que estar na Liberdade é fazer uma viagem ao Japão, à China e Coréia, sem sair de São Paulo. Foto: Luci Judice Yizima
Liberdade, um presente dos orientais à cidade de São Paulo. Foto: Luci Judice Yizima

A cidade de São Paulo contabiliza 464 anos de existência, de lá para cá muita coisa mudou. Assim como outros bairros da cidade, a área que abriga o bairro da Liberdade surgiu a partir do loteamento de chácaras existentes até o século 19.

Desde então, o bairro passou por um processo de ocupação, principalmente de imigrantes orientais. O bairro é um polo de turismo de lazer e de negócios que movimenta a economia, presenteando a cidade com suas características orientais.

Quem vem a São Paulo é passagem obrigatória visitar o bairro mais oriental da cidade, a Liberdade.

Existe um ditado que diz: Quem é rei, nunca perde a majestade! Se no passado o bairro tinha as manifestações à “Forca” que levavam multidões ao Largo da Forca, atual Praça da Liberdade.

Hoje as manifestações culturais e gastronômicas que movimentam e predominam o bairro, tornando o local mais visitado da cidade.

Seu comercio de produtos diversos orientais é tão intenso, que atrai milhões de turistas.

Há quem diga que estar na Liberdade é fazer uma viagem ao Japão, à China e Coréia, sem sair de São Paulo.

 

Seu comercio de produtos diversos orientais é tão intenso, que atrai milhões de turistas. Foto: Luci Judice Yizima

 

Omedetô São Paulo!!!

shēngrì kuàilè São Paulo!

Chughahabnida São Paulo!

 

previous arrow
next arrow
previous arrownext arrow
Slider
Fotos: Luci Judice Yizima

 

MASSAGEM ASIÁTICA

Tradutor Juramentado

Assessoria Contábil

KARATÊ

MASSAGEM ASIÁTICA

Tradutor Juramentado

Assessoria Contábil

KARATÊ

%d blogueiros gostam disto: