Acontece Cultura

Museu Histórico da Imigração Japonesa no Brasil abre exposição “Tomoo Handa, 100 Anos de Brasil”

“Para homenagear o artista plástico Tomoo Handa (in memorian) um dos maiores incentivadores da cultura japonesa e o cotidiano dos primeiros imigrantes estampados em suas telas, o Museu Histórico da Imigração Japonesa no Brasil abre exposição ‘Tomoo Handa, 100 Anos de Brasil’”, comemora Lídia Yamashita, vice-presidente do museu. Segundo a Lídia, das 50 obras doadas ao museu pelo artista, 27 quadros foram selecionados, que retratam os imigrantes com muita cor, trabalho e vida no campo, serão expostos do dia 11 a 22 de outubro no nono andar do Museu Histórico da Imigração Japonesa no Brasil.

 

O cotidiano dos primeiros imigrantes estampados nas telas de Tomoo Handa. Foto: Luci Judice Yizima

 

Para o único filho homem do artista, Pedro Yoshio Handa destaca com muita emoção a importância desta homenagem ao seu pai. “Esta homenagem representa o esforço que ele fez ao retratar a vida dos imigrantes japoneses no interior paulista e pelo Brasil”, diz. “A exposição centenária é o reconhecimento do trabalho árduo expressado em suas pinturas, do mesmo modo que descreveu em seu livro “A História da Imigração Japonesa no Brasil”, edição há muito tempo esgotada, acredito que uma das melhores coisas que ele fez na vida foi à doação desses quadros ao Museu Histórico da Imigração Japonesa no Brasil”, contabiliza Handa.

 

Eduardo Kobayashi (Assistente), curadora Lídia Yamashita e Sergio Kiyoshi Fukuhara (Assistente). Foto: Luci Judice Yizima

 

“Meu pai era alheio a tudo, porém tinha uma visão artística do passado, tinha uma visão ampla do futuro, e sabia que todo seu legado seria lembrado pelos imigrantes japoneses e seus descendentes”, define Pedro Yoshio Handa. Foto: Luci Judice Yizima

De acordo com Pedro, seu pai faleceu aos 90 anos, porém a lembrança que seu pai deixou é como um ‘verdadeiro artista’. “Para meu pai o mundo girava em torno das artes plásticas, ou seja, a única coisa que importava para ele era pintar. Era alheio a tudo, porém tinha uma visão artística do passado, tinha uma visão ampla do futuro, e sabia que todo seu legado seria lembrado pelos imigrantes japoneses e seus descendentes”, define Pedro Yoshio Handa.

Ao entrar no nono andar do Museu Histórico da Imigração Japonesa no Brasil que foi todo desocupado e adaptado para exibir as belíssimas obras de Tomoo Handa, um dos responsáveis pela fundação do museu. Os visitantes vão viajar nos diferentes cenários da vida brasileira que o mestre Handa captou em suas andanças pelo país, coloriu e retratou com muita sensibilidade. O público vai descobrir as histórias e as várias trajetórias de um povo através dos traços, das curvas, das cores, cada detalhe de um grande visionário da arte de pintar.

A mostra tem a curadoria da vice-presidente, Lídia Yamashita com as assistências de Eduardo Kobayashi, Sergio Kiyoshi Fukuhara, Hitoshi Matsumura e Paulo Teruachi Takeda.

 

Serviço

Exposição “Tomoo Handa, 100 Anos de Brasil”

Onde: Museu Histórico da Imigração Japonesa no Brasil – Rua São Joaquim, 381 – 9º Andar – Liberdade – São Paulo – SP

Quando: 11 à 22 de Outubro

Horário: das 13h30 às 17h de 3ª Feira a Domingo.

Informações: (11) 32085465

 

 

Luci Júdice Yizima

Jornalista e Fotógrafa
lucijornalismo@hotmail.com
(11) 99738-7200

Deixe seu comentário

Clique aqui para publicar um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

MASSAGEM ASIÁTICA

Tradutor Juramentado

Assessoria Contábil

KARATÊ

Haru Matsuri

Arena Radical

MASSAGEM ASIÁTICA

Tradutor Juramentado

Assessoria Contábil

KARATÊ

Haru Matsuri

Arena Radical

%d blogueiros gostam disto: